Skip links

Técnicas de Impressão

Registo: CCPFC/ACC-110875/21

Duração: 28 horas

Acreditação específica para professores dos grupos 240, 530, 600 e 999

Regime de frequência: Presencial

Modalidade: Curso de formação

Datas: Novas datas a agendar!!!!!

Localidade: Vila Nova de Gaia ou Viseu

Área de formação: Prática pedagógica e didática na docência

Preço: Associados da APECV: 100 euros; Não associados: 125 euros

Inscrições

Objetivos a atingir:

Neste curso os formadores, artistas convidados e formandos   irão explorar possibilidades de comunicação visual utilizando processos de reprodução a partir de matrizes e planear atividades didáticas com potencialidades para a educação para a cidadania.

Objetivos:

– Aprofundamento conhecimentos sobre técnicas de impressão a partir de matrizes e sua aplicação na prática pedagógica como uma ferramenta para comunicar mensagens visuais.
– Fomentar o uso de técnicas de impressão em trabalhos de projeto com teor ativista .
– Explorar Processos artísticos de impressão tais como Monotipias; Serigrafia; Xilogravura, calcografia, linóleo; e outros processos criativos de impressão não convencional.
– Abordar a Impressão como meio de comunicação ativista.

Conteúdos da ação:

1. Sessão teórica (2 horas)
– Apresentação do curso, processos artísticos de impressão alternativa, sustentabilidade e responsabilidade ecológica, segurança no manuseamento de materiais;
– Introdução à impressão com matrizes.

2. Sessão Teórico- Prática: Monotipia em matriz alternativa (4 horas)
– criação de uma matriz com uma placa de cartão, vidro ou matéria plástica;
– impressão da matriz em papel;
– Conversa sobre a aplicação de monotipias nas aulas.

3. Sessão Teórico- Prática: Serigrafia (3 horas)
– Introdução às matrizes para impressão serigráfica;
– criação de uma máscara para quadro de serigrafia.

4. Sessão Teórico- Prática: Serigrafia (4 horas)
– Conversa sobre a aplicação da serigrafia nas aulas;
– criação de uma matriz em máscara;
– criação de um cartaz com impressão serigráfica.

5. Sessão Teórico- Prática: Matrizes tradicionais (2 horas)
– introdução a processos de xilogravura, linóleo , litografia, calcografia, heliogravura, etc;
– conversa sobre as potencialidades dos processos tradicionais nas aulas.

6. Sessão Teórico- Prática (4 horas) :
– exploração de alguns processos tradicionais (xilogravura, linóleo , litografia, calcografia, heliogravura).

7. Sessão : Sessão Teórico- Prática: Processos tipográficos (4 horas)
– Produção de uma obra coletiva com processos tipográficos ( jornal, fanzine, desdobrável ou livro de artista).

8. Sessão : Sessão Teórico-Prática (2 horas): Impressão Digital
– Impressão Digital;
– Possibilidades com impressoras 3D.

9. Sessão : Sessão Prática (2 horas) : Exposição dos trabalhos realizados. Avaliação da oficina.

Metodologias de realização da ação

9 Sessões teórico práticas em modo de aprendizagem colaborativa entre pares ( formadora; artistas convidados e formandos)

Regime de avaliação dos formandos:

Relatório final individual, participação e trabalhos realizados durante o curso. De acordo com o regulamento interno do CFANAPECV do sistema de avaliação dos formandos docentes, a escala é de 1 a 10. Os parâmetros de avaliação são os seguintes: 1) assiduidade; 2) trabalho realizado; 3) participação; 4) relatório individual.

Bibliogafia fundamental:

-Babilhole, R. ( 1996) Guia Prático de Gravura. Lisboa: Editorial Estampa;

-Saldanha, A. & Torres de Eça, T. (2016). Artes Visuais na Educação. Viseu: Edições APECV, ISBN : 978-989-99073-1-7 Disponível em http://www.apecv.pt/APECVPublications/ebook_apecv.pdf;

-Clark, Gilbert & Zimmerman ( 1989) Printmaking for Talented Students;

-Smith, R. (2004 ) Manual Prático do Artista . Porto: Ed. Civilização.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência na web.